Blog

Insights de gestão para você antecipar, assimilar e solucionar os seus desafios de negócio

Produção e produtividade: veja a diferença e como usar em seus negócios
Entenda, de uma vez por todas, a diferença entre esses dois conceitos tão importantes e aumente a eficácia de sua equipe de trabalho.

Conecte-se

[addthis tool=addthis_horizontal_follow_toolbox]

Você sabe o conceito real de produção? E de produtividade? Ora, mas não são a mesma coisa?

Não, caro leitor. Por mais que as palavras sejam próximas em sua formação, e tenham até semelhanças, os dois substantivos femininos possuem significados diferentes. Veja:

Produção:

  1. O que é produzido pela natureza, pelo homem ou pela máquina; produto.
  2. Volume do que se produz.
  3. Primeiro estágio de uma série de processos econômicos que levam bens e serviços às pessoas. Resultado de algum processo humano, da natureza ou artificial (máquina): produção de livros, de grãos, de cadeiras. Quantidade de coisas que se produz.

Produtividade:

  1. Particularidade ou qualidade de produtivo: a produtividade do terreno.
  2. Que possui capacidade para produzir.
  3. Aquilo que se conseguiu produzir; diz-se do volume ou total produzido.

Você pode perceber que ambos significados estão ligados diretamente, porém, são conceitos diferentes.

E são diferentes não só à luz dos dicionários, como observamos, mas dentro das empresas, especialmente, onde são mais falados e utilizados.

No que tange às suas funções dentro do âmbito empresarial, as palavras acabam por se distanciar ainda mais.

Termos diferentes, mas que quando trabalham em conjunto são de grande valia para a empresa, seja ela pequena, média ou grande.

De fato, qualquer equipe produtiva é valiosa demais para uma empresa, o que confirma a eficácia da gestão.

No entanto, muitos profissionais, por não entenderem a diferença entre produção e produtividade, acabam colocando a culpa de uma produtividade baixa em fatores ligados à produção.

Por exemplo, falta de abastecimento, quebra de máquina, falta de funcionários etc.

Pior ainda é quando esses “erros” de falta de conhecimento vêm da gestão.

Se você, gestor, empresário ou líder de equipe, deseja entender de uma vez por todas a diferença entre as duas palavras e ainda aumentar mais a eficácia de sua equipe.

Esse artigo é pra você! Continue lendo com atenção e livre-se dessa dúvida para sempre e não corra o risco de passar vergonha se algum dia perguntarem a você.

Entendendo a diferença entre produção e produtividade

Antes de determinarmos os conceitos em tópicos separados, é importante que você observe algumas comparações das palavras para entender a definição delas.

Basicamente, produção é uma medida de resultado; enquanto que produtividade é uma medida ligada ao desempenho.

Enquanto que produção significa um volume de bens produzidos, a produtividade se liga à velocidade e eficiência dessa produção..

Em outras comparações:

  • Produção reflete a capacidade; produtividade, a eficiência.
  • Produção é função da infra-estrutura; produtividade, de método.
  • Produção é uma meta de planejamento; produtividade, de aperfeiçoamento.
  • Produção resulta do dimensionamento e aparelhamento; produtividade, da padronização e especialização.

Agora, veja os conceitos separadamente.

● Produção (Medida de resultados)

Produção nada mais é que um dado.

Um dado sobre o que foi produzido na empresa em um determinado período de tempo.

Ela é o que garante as informações cruciais para o planejamento e controle da produção de uma empresa, o PCP.

Graças a essas informações que, nas mãos do gestor, se transformam nas próximas atividades da equipe, é possível obter um melhor planejamento e definir de maneira funcional o que foi produzido, quanto, onde, como, etc.

No entanto, a produção, por si só, não passa de um termo vazio. Na verdade, se ela não tiver trabalhando em conjunto não diz praticamente nada sobre a situação da empresa.

Mas, quando aliada a conhecimentos estratégicos e ao esforço e tempo para alcançar algum resultado, é possível transformá-la em uma base de informações fundamentais.

E, dessa forma, através desses dados, será possível calcular o índice de produtividade.

Existem três termos muito utilizados na produção. São eles:

  1. Input: recursos de entrada, geralmente a matéria prima ou outro produto que será transformado novamente;
  2. Processo de transformação: onde os inputs serão alterados/transformados;
  3. Output: produto final depois de concluído todo o processo, pronto para ser fornecido ao consumidor.

● Produtividade (medida de desempenho)

A produtividade é a capacidade se produzir mais com tempo otimizado, ou seja, mais produção em menos tempo.

No entanto, também envolve a produtividade a capacidade de minimizar a utilização de recursos e a necessidade de mão de obra, equipamentos e máquinas dentro desse intervalo menor de tempo.

Todo o conceito por trás da produtividade visa medir a performance de uma equipe de trabalho.

Lembrando que esta precisa estar alinhada com os projetos da empresa, com o processo de trabalho e com  controle de qualidade.

Também cabe à produtividade analisar possíveis deficiências no processo. Dessa forma, evita-se desperdícios ao longo do caminho de produção.

Analisa-se também tudo o que tange o resultado final do produto, afetando-o diretamente como por exemplo, o maquinário, a matéria prima e etc, também estão a cargo da produtividade.

Mas, afinal qual das duas é mais importante para as empresas? Produção ou produtividade?

Se você pensava que uma excluía a outra, se enganou.

Como citado lá em cima, a produção não funciona sozinha. Logo, ela depende da produtividade para funcionar.

Portanto, as duas são importantes em uma empresa.

O gestor precisa ter tanto a produção quanto a produtividade na equipe que trabalha em sua empresa.

Caso não tenha, é bem provável que esteja ocorrendo prejuízos.

Prejuízos estes que podem ser muito grandes, diminuindo resultados e aumentando a busca incessante por um crescimento, que demora um longo período de tempo ou até mesmo nem acontece.

Você pode até pensar que produção e produtividade são sinônimos, mas não são. Mas, não é por isso que elas não precisam andar de mãos dadas.

Somente quando elas cooperam uma com a outra é que isso tudo passa a funcionar corretamente.

Portanto, diretor, gestor, empresário ou líder de equipe, tenha em mente o seguinte: sua equipe é a alma da sua empresa.

Se ela está bem estruturada e sabendo produzir, obviamente ela será mais produtiva e vai gerar resultados muito mais rápidos.

Sendo assim, mantenha sempre um diálogo aberto e claro com seus colaboradores. Isso é fundamental para o bom andamento da sua produção.

Dessa forma, metas e objetivos que a empresa possui serão abraçados por seus funcionários e passarão também a ser as metas e objetivos deles.

Os melhores livros para aumentar a sua produção e produtividade da sua empresa estão no Blueprintt Box

Conhecimento nunca é demais e, por mais que o mundo tenha evoluído, ainda ninguém tirou o posto dos livros como as maiores fontes de conhecimento sobre tudo.

Não à toa costumam estar sob a mesa de um gestor ou na biblioteca particular de um grande CEO.

E hoje você também pode contribuir para o aumento da produção e da produtividade de sua empresa. Alguns livros sobre gestão podem te dar a base que você precisa!

Sendo assim, o Blueprintt Box propõe o seguinte método: nós te enviamos um livro todo mês, com títulos sobre gestão, liderança e negócios. E você deverá ler por 25 minutos todos os dias.

Ao final do mês, você terá lido o livro. E no mês seguinte, receberá um novo título selecionado pela nossa curadoria especializada.

Que tal começar agora esse plano de melhoramento pessoal e profissional?

Acesse agora, e conheça o Blueprintt Box, clicando no link abaixo.

➥ Quero ver minha equipe produzindo muito mais com os livros do Blueprintt Box

Autor

Bruno Andrade

Bruno é CEO e co-fundador da Blueprintt. Ele é responsável por formular as estratégias e liderar nossa equipe à efetivamente ajudar líderes empresariais a antecipar, assimilar e solucionar desafios, proporcionando informações práticas e atuais sobre o ambiente de negócios.