Blog

Insights de gestão para você antecipar, assimilar e solucionar os seus desafios de negócio

Marketing pessoal e profissional: a imagem importa de qualquer forma
Uma boa imagem é absorvida pelo público de forma a criar uma identificação muito mais forte com a mensagem que você quer passar.

Conecte-se

[addthis tool=addthis_horizontal_follow_toolbox]

Você, provavelmente, já ouviu a famosa frase: marketing é a alma do negócio. E, de fato, isso nunca foi tão verdade quanto nos dias de hoje.

Uma boa imagem é absorvida de forma positiva pelo público específico, de forma a criar uma identificação muito mais forte com a mensagem que você quer passar.

Mas seria possível o marketing pessoal afetar o profissional?

“Ora, mas não é tudo a mesma coisa?”, você deve estar se questionando.

A verdade é que não é.

Marketing pessoal e profissional são diferentes um do outro, apesar de terem um mesmo propósito.

Contudo, eles se interligam e, sim, um pode afetar o outro.

Um exemplo claro ocorre em entrevistas de emprego.

Quando alguém se disponibiliza a ir até uma entrevista de emprego objetivando uma vaga, o seu marketing pessoal conta muito como um diferencial perante os demais candidatos.

Neste caso, o marketing pessoal relaciona-se diretamente com a postura do candidato, a sua forma de pensar, a sua imagem e até mesmo a sua conduta fora da empresa.

Tudo é avaliado.

Vamos fazer um exercício: imagine que uma mesma entrevista temos dois candidatos:

Um deles fala baixo, sua postura é encurvada e a todo momento ele se mostra inseguro. Para completar, sua roupa está suja e amassada e sua barba está por fazer.

Enquanto isso, outro está sendo observado. Este segundo, é confiante. Quando entrevistado apresentou boa dicção, deixando o diálogo fluir.

Esse indivíduo soube vender bem seu peixe, além de estar muito melhor arrumado que o primeiro e devidamente bem barbeado.

Qual dos dois tem mais chances de ser escolhido?

Saiba mais sobre marketing pessoal nas próximas linhas…

O que é Marketing Pessoal

Pode-se dizer que o marketing pessoal e profissional seria um conjunto de regras, hábitos diários e características que todo ser humano deveria ter ou desenvolver para ter sua imagem vista de forma positiva.

Bem, vou tentar explicar a importância do marketing pessoal no sucesso profissional, perguntando sobre algumas possíveis situações…

Você comeria em um restaurante à beira de uma rua onde pombos adentram ao recinto?

Ou você se matricularia em uma academia cujo o professor fosse obeso?

Você, mulher, frequentaria um salão de beleza cuja a cabeleireira não cuida nem mesmo do próprio cabelo?

Esses são alguns exemplos do marketing pessoal afetando diretamente no profissional.

Portanto, que fique claro, qualquer profissional, seja ele de qualquer área, que visa o sucesso do seu negócio buscando empatia com seu público-alvo precisa cuidar da sua imagem.

No entanto, o marketing pessoal e profissional não se limita à imagem.

Como citei anteriormente, a forma de se portar e falar influenciam diretamente na vida de profissionais que desejam “vender” sua marca pessoal para atrair mais possíveis clientes para o seu negócio.

Veja, por exemplo, algumas outras características que afetam diretamente em seu marketing pessoal:

Aparência

No marketing pessoal, os detalhes são muito importantes, desde a forma como se vestir até a maquiagem (para as mulheres) e a barba bem feita (para os homens).

Sabe aquela famosa frase: a primeira impressão é a que fica? Pois bem, no marketing pessoal isso é levado ao pé da letra.

Portanto, ter o cuidado de vestir-se bem, escolher a roupa certa com o calçado ideal, que combinem com seja lá qual for a ocasião, é importante.

Nesse caso, é uma questão de bom senso não utilizar-se de um estilo formal em ocasiões que não exijam formalidade e vice-versa. A imagem que você irá passar pode não ser a ideal.

Comunicação

Conforme abordei anteriormente, sua comunicação diz muito sobre quem você é, portanto afeta na imagem que as pessoas têm de você.

No entanto, lembre-se. Falar bem, não significa falar muito e não deixar os demais falarem.

No marketing pessoal você precisa se ponderar para falar em bom tom para que outros te entendam e especialmente, falar frases certeiras.

Procure expressar, em poucas palavras, de forma clara e objetiva, exatamente aquilo que é necessário ser comunicado.

Falar com muitos rodeios, dando inúmeras voltas para se chegar a um ponto, pode ser visto como insegurança.

Importante: saber ouvir também é fundamental!

Para ajudar em uma boa comunicação, leia constantemente! Os livros ajudam a se comunicar melhor não só de forma escrita, mas na fala também.

Postura profissional

Existem pessoas que não possuem muita noção de postura e comportamento. 

Estes não sabem se portar em determinadas situações. Brincam a todo momento e não sabem agir com seriedade quando a ocasião exige.

Se você deseja melhorar o seu marketing pessoal e profissional você NUNCA deve agir dessa forma.

Portanto, trate de forma educada as pessoas ao seu redor e o ambiente que as cerca.

Não estou lhe ensinando a ser carrancudo(a). Mas saiba identificar momentos quando o diálogo está fluindo a ponto de fazer uma brincadeira que venha a descontrair o ambiente, por exemplo.

Aqui, o equilíbrio é a palavra-chave.

Marketing pessoal e profissional para a vida!

Nesse artigo você entendeu a importância do marketing pessoal e profissional para a sua imagem.

Agora, cabe a você levar adiante e por em prática diariamente as dicas que lhe foram ensinadas aqui.

Por exemplo, procure policiar o seu comportamento nas redes sociais na qual você acessa rotineiramente.

Vista-se bem todos os dias, nunca se sabe quando uma oportunidade poderá bater à sua porta.

Está indo para uma entrevista de emprego? Verifique antes o estado de suas roupas. Elas estão limpas? Adequadas para a formalidade de tal evento?

Se você tem o hábito de falar baixo ou falar “para dentro”, treine, leia em voz alta na frente do espelho.

Acredite, se você começar a pôr em prática essas pequenas coisas, certamente terá sucesso não só no marketing pessoal e profissional, mas na vida.

Agora, me permita lhe fazer um pedido.

Se todas essas dicas te ajudaram e você acredita que podem ajudar ainda mais pessoas, compartilhe esse post.

Você provavelmente conhece alguém, um amigo ou um profissional próximo a você que precisa de um upgrade em seu marketing pessoal de forma que influencie positivamente no marketing profissional.

Eis agora a chance de gerar mais resultados, melhorando a imagem do seu negócio e de muitos mais pessoas.

Compartilhe!

Autor

Bruno Andrade

Bruno é CEO e co-fundador da Blueprintt. Ele é responsável por formular as estratégias e liderar nossa equipe à efetivamente ajudar líderes empresariais a antecipar, assimilar e solucionar desafios, proporcionando informações práticas e atuais sobre o ambiente de negócios.