Vantagens de trabalhar a confiabilidade da manutenção

Vantagens de trabalhar a confiabilidade da manutenção
Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Segurança de dados é um dos assuntos mais debatidos dentro do mundo corporativo, assegurar essas informações vem sendo prioridade nas empresas para garantir melhor confiabilidade nos processos.

A inteligência artificial é a grande aliada nessa jornada, através de suas ferramentas que possibilitam uma melhora na performance e inovações em segurança de dados, é possível criar um sistema automático para facilitar as tomadas de decisão.

A empresa Souza Cruz optou pela tecnologia a fim de garantir a confiabilidade da manutenção, programas como VLANS e USB Lockers, além da utilização de pendrives homologados são os mais usados no dia a dia.

Para conhecer melhor o caso da Souza Cruz, a Bluepritt convidou Cristiano Borba, Gerente de Manutenção da empresa, para participar do evento Imersão em Manutenção Industrial com o objetivo de entender o desenvolvimento, o aprendizado e qual a real capacidade de uma rede de dados confiável.

“Manufatura 4.0 para a gente é o que vamos colocar de inteligência para processos automatizados e voltados a uma tecnologia maior. Estamos falando em robôs, não robôs tradicionais, mas sim virtuais para desafogar trabalhos operacionais de computação”, afirma Cristiano no início da palestra.

O Gerente relata que por causa de um vírus a fábrica ficou parada por dois dias, a medida para isso não acontecer mais foi o investimento nas tecnologias virtuais, como:

  • Sistema de realidade aumentada;
  • Sistema integrado;
  • Internet das coisas;
  • Cibersegurança;
  • Computação em nuvem.

Todas visam a qualidade e confiabilidade dos dados. Apesar de serem investimentos altos, a rentabilidade dessas ferramentas traz um resultado positivo em relação a custos. Foi o que a Souza Cruz fez.

Foi criado um masterplan da fábrica com o objetivo de aplicar a manufatura 4.0 e otimizar custos no segmento digital para os próximos 4 anos. O investimento em sensores de diversos modelos, atualização do RP e desenvolveu uma plataforma chamada Chronos.

“Onde é feita toda a captura de dados, para depois trabalhar esses dados. Toda a parte de coleta desses passou por uma adaptação nas máquinas, pois elas não tinham a parte de processamento de tabaco”, comenta Cristiano.

Como praticar a confiabilidade da manutenção?

Disponibilizar uma rede que tenha capacidade de suportar diversas plataformas que coletem dados. Uma interface para fazer análise dos dados em tempo real.

É o que o Chronos, desenvolvido pela Souza Cruz faz, todas as informações de produção são trabalhadas online, possibilitando uma segurança maior, reduzindo riscos e gerando uma confiabilidade da manutenção.

Nessa interface é possível ver a performance de cada módulo da fábrica através de gráficos, todas as informações relacionados a parada, percentual de perda, número de pausas.

Já na parte de manutenção, mostra todo o indicativo de como a máquina está performando antes de manutenção e qual foi a resposta no pós-manutenção. Além de mostrar o impacto e a média das quebras. O que é muito importante para direcionar os recursos para o local correto dentro da fábrica.

O ganho de tempo, de custo e de mão de obra operacional calculado é imenso. Mapear e melhorar o desempenho das máquinas agrega um valor alto para o negócio da empresa.

“A função do Chronos traz todos os dados de performance, todos os indicadores da fábrica hoje estão nele, da parte de qualidade, desempenho e como a gente está começando a se estruturar em cima da manutenção com eles”, explica Borba.

O Gerente de Manutenção compartilhou os resultados do último ano trabalhando com a plataforma. Segundo Borba, depois da implementação em novembro e dezembro de 2017, a empresa conseguiu fechar acima de 71% na manutenção.

Considerado um resultado expressivo, abriu-se uma oportunidade de utilizar a tecnologia de uma forma mais proveitosa. Em 2018, outros maquinários já foram desenvolvidos para receber a tecnologia da inteligência artificial.

Existem diversas startups no mercado que oferecem um produto direcionado para melhorar a confiabilidade da manutenção. Se não for possível desenvolver junto ao time de produtos, o cenário mais indicado é procurar um parceiro para criar essa interface.

“Ter um plano de digital conectado ao negócio, isso é muito importante. Porque manufatura 4.0 é legal, é bonito quando ela tem uma ideia por trás de ter sustentabilidade, ter redução de custos, pois ninguém vai implementar uma tecnologia sem ter um benefício por traz”, finaliza Cristiano Borba.

Para saber mais sobre a confiabilidade da manutenção e outros assuntos relacionados ao tema, faça parte do Programa Executivo de Imersão em Manutenção Industrial. Clique aqui e fique por dentro de todas as novidades!

Sobre o autor

Artigos relacionados

Estratégias baseadas em grandes ideias vencem

Cadastre-se para receber mais artigos como este e domine sua função

Ao enviar este formulário você está concordando com nossos termos de uso e política de privacidade

Formulário enviado com sucesso

Clique para fechar

Imersão em Manutenção industrial

Condições especiais por tempo limitado. Apenas 35 vagas disponíveis. 

PROGRAma executivo de imersão em MANUTENÇÃO industrial

Gerencie a manutenção industrial de forma inteligente e tecnológica e aumente a confiabilidade no novo normal

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência com nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com tal monitoramento. Para mais informações, clique aqui.