Otimize seu tempo implementando robôs no RH

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

O crescimento da IA (inteligência artificial) tem beneficiado muitas empresas com seus robôs, ferramentas e plataformas a otimizar o tempo de trabalho, diminuindo funções burocráticas tornando o dia a dia mais dinâmico.

De acordo com o estudo realizado pela Oracle e a Future Workplace em mais de 10 países, onde 8.370 pessoas entre colaboradores, gerentes e líderes de RH foram entrevistados, indica que cerca de 78% das pessoas no Brasil confiam mais no robô do que em gerentes.

Quatro tipos de sistemas, conhecidos como drivers tecnológicos, são comuns na rotina do RH.

  • Big Data;
  • Internet móvel de alta velocidade;
  • Inteligência Artificial;
  • Armazenamento em nuvem.

Com isso, a rotina do RH e outros setores passarão por uma revolução, em tempo de tarefas, funções, novos serviços e adequação de obrigações. Aponta o relatório do World Economic Forum, chamado The Future Jobs Report 2018.

Luiz Cláudio Xavier, Diretor de Relações do Trabalho da Telefônica Vivo participou da Imersão em Operações de RH organizado pela Blueprintt, Luiz abordou o tema “Robôs no RH: Os ganhos de tempo com a implantação de um atendimento humanizado aos colaboradores”.

“Nosso propósito na Vivo é digitalizar para aproximar as pessoas”, diz Luiz no início da apresentação.

Esse é o principal desafio para as organizações no momento em que a transformação digital é inserida na cultura. Antigamente os processos passavam por uma mudança e, com a capacitação era possível manter o mesmo colaborador nesse novo cargo. Hoje, muitas automatizações ocupam lugares de pessoas, se as empresas não se prepararem para essa mudança, pode se tornar um problema.

De acordo com o Diretor, a transformação digital na Vivo foi separada em três partes. Sendo a primeira com o foco em infraestrutura, a segunda foi a automação e por fim, a experiência do cliente.

Alguns componentes são necessários para que cada passo funcione com excelência, foi criado uma fábrica de robôs para automação e processos internos.

“Eu tenho dentro do RH uma fábrica de robôs, então isso faz com que a gente tenha mais agilidade para automatizar processos, por exemplo”, explica Xavier.

Robôs no RH e qualidade de vida

Além de ser um movimento natural dentro da cultura do digital, é importante uma empresa de tecnologia como a Vivo oferecer para os colaboradores o que a empresa vende como experiência do cliente.

E foi exatamente o que aconteceu, um movimento de otimizar a jornada do colaborador implementando robôs no RH para facilitar o acesso às informações, agilidade nas demandas, proporcionando uma dinâmica mais flexível no trabalho. Tudo isso com base na cultura digital, design thinking, lean ux e metodologia ágil.

Hoje, o Vivo Pessoas, como é chamado a parte que atende os colaboradores conta com:

  • RPA;
  • Novo portal Vivo pessoas;
  • Portal integrado com power BI;
  • Squad jornada do colaborador.

Essas ferramentas e sistemas tecnológicos possibilitam maior qualidade de vida dentro do RH. Colaboradores podem exercer uma função mais analítica, participando da estratégia da empresa e agregando valor ao negócio.

“Criamos nesse momento uma forma de avaliar melhor o que estava acontecendo, aquilo que a gente começou a medir em 2018, através do Power BI, começamos a ter informações mais detalhadas de onde poderiam eventualmente estar acontecendo algum problema e qual a maior demanda das pessoas”, afirma Luiz.

A fase de implantação é outra etapa importante. Partindo do princípio que uma mudança desse porte não agrada a todos, é preciso ser bem assertivo e cuidadoso na comunicação. Foque nos benefícios que a transformação digital, nesse caso, a inserção de robôs no RH, como isso será importante no dia a dia da empresa, como cada colaborador irá usufruir disso para crescer dentro da organização.

Trabalhar o senso de pertencimento é uma forma de mostrar o real propósito da modificação para o digital.

“A nossa intenção é ser um dos melhores atendimentos de RH do Brasil. Essa é a nossa ambição. Nós podemos evoluir mais e eu posso garantir que você só sabe como começa, você nunca sabe como termina, porque isso é infinito”, finaliza Luiz Cláudio.

De fato, quando falamos em inovação tecnológica, não há parâmetros onde isso pode chegar. Se a imaginação é o limite, podemos dizer que está muito longe de alcançar.

Ficou curioso e quer saber mais sobre Robôs no RH? Se inscreva no Programa Executivo de Imersão em Operações de RH. É simples, clique aqui para fazer parte. Esperamos você!

Sobre o autor

Artigos relacionados

Estratégias baseadas em grandes ideias vencem

Cadastre-se para receber mais artigos como este e domine sua função

Ao enviar este formulário você está concordando com nossos termos de uso e política de privacidade

Formulário enviado com sucesso

Clique para fechar

Imersão em Operações de RH

Condições especiais por tempo limitado. Apenas 35 vagas disponíveis. 

PROGRAma executivo de imersão em OPERAÇÕES DE RH

Promova a eficiência operacional da área de RH, reduzindo custos e melhorando a experiência do colaborador

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para melhorar a sua experiência com nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdos de seu interesse. Ao continuar navegando, você concorda com tal monitoramento. Para mais informações, clique aqui.